Ética para um Jovem, Fernando Savater

Savater
ética
Título original: Ética Para Amador
Título em Portugal: Ética Para Um Jovem
Autor: Fernando Savater
Data de lançamento da 1ª edição: 1991
Edição: 17ª (5ª ed. na Dom Quixote) Janeiro de 2010
Design: Atelier Henrique Cayatte
Revisão: Susana Baeta
Paginação: Fotocompográfica
Impressão e acabamento: Guide -Artes Gráficas
Depósito legal nº: 288 937/09
ISBN: 978-972-20-2839-4

Tratando-se de um ensaio sobre ética, a obra é simultaneamente uma espécie de carta a seu filho, Amador, metaforicamente representando os jovens em geral, em que, sob o pretexto de explicar o significado do conceito de ética, Savater nos dá uma lição de vida que, transcendendo o público alegadamente sugerido no título, é proveitosa para todos.
Fernando Savater é um escritor e filósofo espanhol, catedrático de Ética na Universidade do País Basco. É uma figura pública de destaque na vida pública espanhola, não só pela sua actividade política no “¡Basta Ya!” (movimento de cidadãos contra o terrorismo) e como fundador do partido “Unión Progreso y Democracia”, mas também pelas suas crónicas no “El País”. Tem inúmeros livros publicados, alguns mais polémicos do que outros e é, muitas vezes, apresentado como filósofo. Ele, porém, prefere apresentar-se como Professor de Ética, mais propriamente, um educador.
Neta obra, o autor dirige-se ao seu filho, Amador, explicitando, com exemplos extraídos dos clássicos, o conceito de ética, fazendo-o questionar-se sobre o seu percurso de vida. Aconselha-o a confiar nele próprio e reflectir sobre a liberdade de opção e as consequências das decisões. “Ética para um Jovem” indica objectivamente o conteúdo da obra. Contudo o título original é bem mais sugestivo : “Ética para Amador”, jogando com o duplo sentido do destinatário mais imediato da obra: o filho do autor, e “amador” que é o jovem, aquele que ainda é aprendiz na arte de bem viver. Fernando Savater, numa linguagem simples e clara, através de personagens e casos quotidianos e fazendo relações com filósofos da Antiguidade como Aristóteles ou mais recentes como Erich Fromm, procura tornar-nos acessíveis conceitos como ética e moral, abordando temas como o que é certo e errado, bom ou mau, dignidade própria e do próximo, relações humanas, prazer, justiça e leis, entre outros. Os conceitos abordados são expostos num encadeamento lógico e exemplificativo, como se de um diálogo se tratasse. Proporciona uma leitura fácil e acessível a todos e a todos pode ajudar. Embora o título do livro seja “Ética para um Jovem”, poderia ser “Ética para Todos”, uma vez que o seu conteúdo pode ajudar jovens e adultos. Seria útil que fosse lido pelos nossos pais e professores porque os ajudaria a entender o nosso modo de pensar, as nossas dúvidas e anseios. É um livro que nos ajuda a viver melhor e a sermos melhores não só para os outros mas também para nós próprios. Ensina-nos a escolher o melhor caminho nas opções que temos que fazer no nosso percurso de vida. Os conceitos filosóficos são transmitidos duma forma simples e através de exemplos bem ilustrativos, numa linguagem acessível e cativante.

Diana Faria Leite, 11º B, 2010 ……………………………………………………………………….

Sobre esaportugues2011

Professores de Português da Escola Secundária de Albufeira, no 25º aniversário da escola, voando nas asas da leitura pelo ciberespaço, o universo.
Esta entrada foi publicada em livros, recensão, Uncategorized. ligação permanente.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s